quarta-feira, 23 de maio de 2012

João Cabral de Melo Neto no Atemporal



O Rio


Sempre pensava em ir
caminho do mar.
Para os bichos e rios
nascer já é caminhar.
Eu não sei o que os rios
têm de homem do mar;
sei que se sente o mesmo
e exigente chamar.
Eu já nasci descendo
a serra que se diz do Jacarará
entre caraibeiras
de que só sei por ouvir contar
(pois, também como gente,
não consigo me lembrar
dessas primeiras léguas
do meu caminhar.)
(...)


Poema by João Cabral de Melo Neto
Foto by Mari Martins



Nenhum comentário: