quarta-feira, 30 de maio de 2012

Dependência Química




As dependências químicas costumam ser comuns na mesma família em decorrência de anomalias cerebrais pré-existentes em pessoas do mesmo núcleo familiar. A conclusão de um estudo, feito por pesquisadores britânicos, foi divulgada pela revista Science.
Os cientistas analisaram dois grupos, um com 50 pares de irmãos (um dependente de subtâncias químicas e outro não) e outro com 50 pares de voluntários sem parentesco. Foram aplicados exames de ressonância magnética, que revelaram - nos pares de irmãos - presença de anormalidades nas estruturas cerebrais ligadas ao controle dos impulsos.


by Mari Martins
Imagem by Google



Nenhum comentário: