quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Saúde Suplementar - O grande TUBARÃO




No Brasil, há cerca de 45,5 milhões de pacientes com planos e seguros de saúde privados, ou quase 25% da população do país, conveniados a 1.044 empresas, que responderam, em 2010, por um movimento estimado em R$ 70 bilhões. O número de médicos que atendem pelos planos é de, aproximadamente, 160 mil, sendo que eles realizam anualmente em torno de 223 milhões de consultas e respondem por 4,8 milhões de internações. Desses usuários de planos de assistência médica, quase 20% permanecem em planos antigos, muitos deles com restrições de corbetura ainda maiores do que as praticadas pelos contratos assinados a partir de janeiro de 1999.

Esses são os números da Saúde Suplementar no nosso país. Estou postando essas informações para que todos tenham consciência de que ter uma empresa de plano ou seguro de saúde nesse país enriquece e nem sempre os direitos dos segurados são atendidos. Hoje existe a possibilidade da portabilidade, já é um grande avanço, mas é preciso ficar atento com relação às restrições de cobertura que eles impõem.

O setor de planos de saúde liderou, em 2010, o ranking de reclamações do Idec pelo 11º ano consecutivo e as principais reclamações foram:
  • Reajuste de mensalidade;
  • Negativas de cobertura;
  • Manutenção de dependentes no plano de saúde após a morte do titular;
  • Adaptação e migração de contratos antigos.
Fique atento. Quando for contratar o serviço, preste muita atenção nas cláusulas contratuais e se notar algo, questione, exija seus direitos, principalmente se for algo relacionado à cobertura.

by Mari Martins
Imagem by Google


Nenhum comentário: