quinta-feira, 28 de junho de 2012

Vacina H1N1 em portadores de doenças autoimunes



Portadores de doenças reumáticas autoimunes, como lúpus e artrite reumatoide, apresentam maior risco de infecção do que a população em geral. Por causa disso, precisam ser vacinados contra novos vírus, como o H1N1, causador da influenza A. Mas não se sabia se as vacinas desenvolvidas para combater esse subtipo do vírus da influenza apresentavam riscos e/ou seriam eficazes.
Um estudo realizado por pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) comprovou a imunogenicidade e a segurança da vacina contra o H1N1 em pacientes com doenças reumáticas autoimunes e em pessoas submetidas à terapia imunossupressora, como as com câncer ou as que receberam transplante. Os resultados da pesquisa, que recebeu apoio da FAPESP, foram publicados nos Annals of the Rheumatic Diseases e apresentados no Encontro Científico Anual do Colégio Americano de Reumatologia (ACR), em novembro, em Chicago, nos Estados Unidos.
Segundo Eloisa Silva Dutra de Oliveira Bonfá, professora da USP e coordenadora do estudo, a resposta imune à vacina contra o H1N1 na população normal ficou em torno de 77% contra 63% dos autoimunes. A resposta é considerada satisfatória, evidenciando a boa reação destes pacientes à vacina.
A diferença dos números se deve ao efeito dos imunossupressores e corticoides utilizados na medicação.


by Mari Martins
Imagem by Google
Fonte: Agência FAPESP



Nenhum comentário: