terça-feira, 12 de junho de 2012

Da Olivetti ao Tablet



Em 1985, quando conquistei o meu primeiro emprego, só haviam máquinas de escrever e lá fui eu fazer um curso de Datilografia no Senac. Antigamente as exigências eram muito menores, não havia essa tal Globalização, eram apenas dedos operando teclas duras e barulhentas de uma máquina de escrever e, ao errar algo, usava-se uma pequena fita corretiva. Éramos, apenas eu, a Olivetti, os "muitos" papéis, os arquivos e um telefone na mesa. Era assim que se trabalhava...

Hoje, são tantos softwares, tantos sistemas operacionais, tantos computadores, tantos iPhones, Smartphones e iPads. Hoje, tudo é Wirelles, Wi-Fi. Hoje, não se escreve mais carta, se manda torpedo, se fala pelo MSN, se fala pelo Skype e se manda um e-mail. A Internet veio para revolucionar.

Lembro-me da Mandic revolucinando as coisas em 1990 com um computador 286, lembro-me da IBM com seu OS/2 e da Microsoft apostando tudo no Windows, lembro-me do DOS. Lembro-me do Brasil engatinhando na entrada da Internet, ainda em âmbito acadêmico. Lembro-me do meu primeiro computador, comprado em 1995, da minha primeira conexão discada pela UOL, lembro-me do meu primeiro celular Motorola...
Atualmente uso Notebook, Tablet e Smartphone. Pois é! Da Olivetti ao Tablet...





E você? Lembra-se do que?

by Mari Martins
Imagens by Google



Nenhum comentário: