segunda-feira, 25 de junho de 2012

Queloide. O que é e como se forma








Os queloides são o crescimento em excesso do tecido de cicatrização no local de um ferimento já curado. Também é chamado de Cicatriz hipertrófica; Cicatriz de queloide; Cicatriz – hipertrófica.

Os queloides podem surgir de ferimentos na pele como:

  • Acne;
  • Queimaduras;
  • Varicela;
  • Furos nas orelhas;
  • Pequenos arranhões;
  • Cortes cirúrgicos;
  • Feridas traumáticas;
  • Locais de vacinação.

Eles são bastante comuns em mulheres jovens e pessoas afro-americanos. Os queloides geralmente são genéticos. Queloidose é o termo usado quando muitos ou repetidos queloides ocorrem.

Uma lesão na pele que:

  • Pode ser vermelha, rosada ou ter cor de pele;
  • Está sobre o local de um machucado ou ferimento;
  • Apresenta protuberâncias (nódulos) ou sulcos;
  • A lesão pode coçar enquanto estiver se formando e crescendo.


O diagnóstico é feito com base na aparência da pele ou da cicatriz. Uma biópsia da pele pode ser necessária para descartar outras formações que ocorrem na pele (tumores).
Os queloides geralmente não precisam de tratamento. 

O tamanho deles pode ser reduzido com:

  • Injeções de corticosteroides;
  • Pressão externa;
  • Congelamento (crioterapia);
  • Tratamentos a laser;
  • Radiação;
  • Remoção cirúrgica.


Os queloides geralmente não representam risco à saúde, mas podem afetar a aparência. Em alguns casos, eles podem diminuir, ficar mais lisos e menos visíveis após muitos anos. A exposição ao sol durante o primeiro ano após a formação do queloide fará com que ele fique mais escuro do que a pele ao seu redor. Essa cor mais escura pode ser permanente.
A remoção do queloide pode não ser permanente. A remoção cirúrgica pode produzir uma cicatriz de queloide ainda maior.

Complicações:

  • Alterações estéticas que afetam a aparência;
  • Desconforto, sensibilidade no queloide;
  • Irritação pelo atrito com as roupas ou outras formas de fricção;
  • Limitação da mobilidade (se os queloides forem extensos);
  • Estresse psicológico se o queloide for grande ou desfigurador;
  • Retorno do queloide.


by Mari Martins
Imagem by Google
Referências: 
Juckett G, Hartman-Adams H. Management of keloids and hypertrophic scars. Am Fam Physician. 2009;80(3):253-260
Habif TP. Benign skin tumors. In: Habif TP, ed. Clinical Dermatology. 5th ed. St. Louis, Mo: Mosby Elsevier; 2009:chap 20




Nenhum comentário: