segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

No vidro ou na lata?




Segundo uma pesquisa realizada na Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp, o vidro ou a garrafa Pet não são as melhores alternativas para a preservação dos compostos nutricionais do azeite extravirgem. Essas embalagens permitem a exposição à luz e a entrada de oxigênio, por isso degradam rapidamente o antioxidante, os fenólicos totais e a clorofila no produto.
Todos sabemos que o azeite extravirgem faz bem à saúde, mas é importante pensar em conservar suas propriedades o máximo possível. Procure comprar o produto embalado em lata ou em vidro mais escuro e quando for guardá-lo em sua casa, procure um lugar onde não bata muita luz. Evite a degradação dos compostos nutricionais, pois são eles que diferem o azeite extravirgem de outros óleos vegetais.

by Mari Martins
Imagem by Google


Um comentário:

Eninha Campos disse...

Aha ! Eu já imaginava não tinha era dados "científicos ". Azeite lá em casa só vale em vidro muito escuro .
obrigada !