quinta-feira, 8 de julho de 2010

Piaf

 Sinopse:
 
A atriz Marion Cotillard "vencedora do Oscar 2008, de melhor atriz" interpreta de forma soberba a cantora Edith Piaf, no filme PIAF, UM HINO AO AMOR. O filme foi dirigido brilhantemente por Olivier Dahan, porém, em certas horas a trama se torna cansativa, pois mostra uma PIAF que poucos conhecem, aliás, antes do filme, muitos só conheciam PIAF pela brilhante voz... Dona de um temperamento forte e explosivo, PIAF grita o tempo todo, briga muito com as pessoas, embriaga-se o tempo todo, vicia-se em dorgas e mais tarde, vicia-se também em Morfina "por causa das dores que sente, provenientes do Reumatismo", mas sua voz e o seu canto sempre supera tudo. Nascida na frança, logo criança é abandonada pela mãe, que canta na rua para ganhar uns trocos, um belo dia, a menina adoece, o pai aparece e a leva embora. Por trabalhar no circo, o pai acaba deixando a menina com sua mãe, dona de um prostíbulo. Sua avó nunca mostra afeto, mas as prostitutas a cobrem de mimos e cuidados quando adoece e chega a perder a visão por um período, por causa de uma infecção. PIAF cresce e conhece Simone, as duas ficam muito amigas e um belo dia, cantanto na rua, PIAF é descoberta e começa a cantar em diversas casas de shows. Numa noite, ela conhece Marcel, um boxeador, casado, com filhos e os dois se apaixonam, mas ele não abandona a família para ficar com PIAF, ela nem pede isso, mas num dia, a pedido dela, ele pega um avião para ir encontrá-la na frança, ela tem muitas saudades e o avião em que Marcel está cai e ele morre no acidente, nesta fase PIAF é arrebatada por um sofrimento enlouquecedor e fica muito doente, começa a tomar 10 doses de Morfina por dia, é hospitalizada, para de cantar, pois fica muito debilitada. Aos 47 anos, muito doente, aparentando uns 70 anos, PIAF ouve um jovem tocar uma música ao piano, começa a gritar emocionada que a música é dela, que quer cantá-la, que é a história da vida dela e mais tarde, a mesma passa a ser sua música mais famosa e conhecida, ela faz sua última apresentação numa das casas de shows mais famosas, canta brilhantemente e depois morre. O filme conta com um elenco excelente como: Gerard Depardieu, Clotilde Courau, Catherine Allegret, entre outros e vale a pena conferir o ótimo roteiro e direção de Olivier Dahan e a esplendorosa atuação de Marion Cotillard. 
 
by Mari Martins

Nenhum comentário: