terça-feira, 14 de agosto de 2012

Saiba o que é Apêndice e como se dá a Apendicite




A apendicite é a inflamação do apêndice. O apêndice é uma pequena bolsa presa ao início do intestino grosso. A apendicite é uma das causas mais comuns de cirurgia abdominal de emergência. Ela geralmente ocorre quando o apêndice fica bloqueado por fezes, um objeto estranho ou, raramente, um tumor.
Os sintomas de apendicite variam. Pode ser difícil de diagnosticar em crianças menores, em idosos e em mulheres em idade reprodutiva. Geralmente, o primeiro sintoma é dor em volta do umbigo. A dor pode ser vaga no início, mas se torna cada vez mais aguda e grave. Você pode ter apetite reduzido, náusea, vômitos e uma febre baixa. À medida que aumenta a inflamação no apêndice, a dor tende a se mover para baixo e à direita e se localizar diretamente acima do apêndice, em um local chamado ponto de McBurney.
Se o apêndice se rompe, a dor pode desaparecer por um breve período e você se sente melhor repentinamente. No entanto, uma vez que o revestimento da cavidade abdominal fica inflamada e infectada (uma condição chamada peritonite), a dor piora e você fica mais doente. A dor abdominal pode ser pior quando você caminha ou tosse. Você pode preferir ficar deitado quieto porque o movimento súbito causa dor.
Sintomas posteriores:
  • Calafrios
  • Constipação
  • Diarreia
  • Febre
  • Perda de apetite
  • Náusea
  • Tremores
  • Vômitos
Exames:
Se você tem apendicite, sua dor aumentará quando o médico soltar a pressão de repente, após pressionar gentilmente a área abdominal inferior à direita. Se você tiver peritonite, tocar a área do abdome pode causar um espasmo dos músculos.
Um exame retal pode revelar sensibilidade no lado direito do reto.
Em geral, os médicos podem diagnosticar a apendicite pela sua descrição dos sintomas, pelo exame físico e pelos exames de laboratório.

Em alguns casos, testes adicionais podem ser necessários. Isso pode incluir:
  • Tomografia computadorizada abdominal
  • Ultrassonografia abdominal
  • Laparoscopia diagnóstica
Tratamento:
Se você tiver um caso sem complicações, um cirurgião normalmente removerá seu apêndice logo após o diagnóstico feito por seu médico.
Como os exames usados para diagnosticar apendicite não são perfeitos, algumas vezes a operação revelará que seu apêndice é normal. Neste caso, o cirurgião removerá seu apêndice e explorará o resto do seu abdome para constatar outras causas para sua dor.
Se uma tomografia computadorizada mostrar que você tem um abscesso de um apêndice rompido, você pode ser tratado da infecção e ter seu apêndice removido depois que a infecção e a inflamação tiverem passado.

Evolução (prognóstico):
Se seu apêndice for removido antes de se romper, você provavelmente ficará bem logo após a cirurgia. Se seu apêndice romper depois da cirurgia, você provavelmente se recuperará mais lentamente, e terá mais probabilidade de desenvolver um abscesso ou outras complicações.

Complicações:
  • Conexões anormais entre órgãos abdominais ou entre esses órgãos e a superfície da pele (fístula)
  • Abscesso
  • Infecção da incisão cirúrgica
  • Peritonite
Se você apresentar dor abdominal na porção direita inferior do seu abdome ou se tiver qualquer outro sintoma de apendicite, procure um médico imediatamente.

Referências:
Bundy DG, Byerley JS, Liles EA, Perrin EM, Katznelson J, Rice HE. Does this child have appendicitis? JAMA. 2007 Jul 25;298(4):438-51. Review.
Ebell MH. Diagnosis of appendicitis: part 1. History and physical examination. Am Fam Physician. 2008 Mar 15;77(6):828-30. Review.
Lyon C, Clark DC. Diagnosis of acute abdominal pain in older patients. Am Fam Physician. 2006 Nov 1;74(9):1537-44. Review.
Prather C. Inflammatory and anatomic diseases of the intestine, peritoneum, mesentery, and omentum. In: Goldman L, Ausiello D, eds. Cecil Medicine. 23rd ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier;2007:chap 145.
by Mari Martins
Imagem by Google




Nenhum comentário: