quarta-feira, 11 de maio de 2011

Vitamina D contra Osteoporose



Esta semana eu falei muito sobre a hipovitaminose D, mas esqueci de mencionar a relação da mesma com a osteoporose e, vale a pena ressaltar que a hipovitaminose D tem papel relevante no desenvolvimento da osteoporose, principalmente entre mulheres na pós-menopausa. Segundo especialistas, é importante adequar os níveis da vitamina nestas mulheres, pois sua deficiência se associa, consequentemente, ao desenvolvimento de um hiperparatiroidismo secundário, o que leva a maior risco de fratura e pior resposta ao tratamento convencional da osteoporose.

Para adequar os níveis da vitamina D, o ideal é que se faça a dosagem sanguínea, caso isso não seja possível, o médico prescreverá uma dose fisiológica, ou seja, de 400 e 800 unidades por dia. No caso de mulheres mais idosas, em que a osteoporose está associada a perda de força muscular e o aumento do risco de quedas e fraturas, doses ainda maiores são preconizadas: entre 1.000 e 2.000 unidades diárias.

by Mari Martins
Fonte: Revista Sogesp
Imagem by Google

Nenhum comentário: