terça-feira, 31 de maio de 2011

Doce, doce...



Doce, doce...

http://youtu.be/It_RLcDPZY0

Dentre os avanços na compreensão sobre o diabetes mellitus, existe algo que ainda não é tão divulgado, como deveria ser - os PRODUTOS FINAIS DA GLICAÇÃO AVANÇADA-PFG.
Os produtos finais da glicação avançada são um grupo heterogêneo de moléculas pró-inflamatórias e oxidativas, formadas através da reação não enzimática de açúcares reduzidos com proteínas, lipídios ou ácidos nucléicos.
Esta substâncias podem ser formadas dentro do organismo ou consumidas.
Podem formar-se no organismo, principalmente dos diabéticos com níveis de glicose persistentemente elevados, podendo alterar a estrutura e função de proteínas de matriz celular, membrana basal e endotélio vascular.
Nas fontes externas o uso de tabaco (Mais um malefício para a listinha do tabaco!) e a manipulação de produtos alimentícios que geram altas temperaturas nos alimentos como frituras, assados e grelhados (Sim! Grelhados não são tão saudáveis como você achava!) podem contribuir de maneira importante para o aumento de seus níveis. Durante muito tempo as pesquisas “focaram” na busca de alternativas às frituras, porém as alternativas com os assados e grelhados não são tão benéficas quanto se achava. Sabe aquele “marronzinho” da carne? Pois é...Riquíssimo nestes “famigerados” PFG...
Já cozinhar alimentos em baixas temperaturas durante períodos mais curtos e com grande quantidade de água, incorporam menos PFG a estes alimentos
Em seres humanos, independentemente de ter ou não diabetes, uma única refeição que tenha grande quantidade de produtos finais da glicação avançada já é suficiente para elevar seus níveis séricos, quando comparados à uma refeição com baixos níveis de PFG. Ou seja, mesmo quem não tenha diabetes mellitus já se prejudica com seu consumo exagerado ou frequente!
Os produtos finais da glicação avançada compõem um grupo heterogêneo de substâncias que, em indivíduos diabéticos, promovem e aceleram lesões vasculares, contribuindo de forma importante para as complicações micro e macrovasculares. A diminuição de PFG na dieta é uma medida aparentemente efetiva, fácil de ser realizada, prevenindo complicações diabéticas que afetam irremediavelmente a qualidade de vida.

by André Luis Alves De Lemos, MD, MSc -
Imagem by Google
 

Nenhum comentário: