terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Fracionamento de remédios



A Pro Teste - Associação Brasileira de Defesa do Consumidor e o Instituto Ethos lançaram, em novembro, a campanha pela conscientização da população para a compra de medicamentos fracionados. O objetivo é que o brasileiro possa adquirir remédios na quantidade exata para o tratamento prescrito. Este tipo de comercialização é permitido no país há mais de cinco anos, mas não obrigatório.
A iniciativa pode trazer muitos benefícios, pois ajudaria a reduzir a automedicação e o aumento da resistência bacteriana, sem contar que os tratamentos ficariam muito mais baratos.
A camapnha envolve a coleta de assinaturas pela aprovação do projeto de lei 7029, de 2006, em tramitação na Câmara dos Deputados. A adesão pode ser feita no site www.proteste.org.br

by Mari Martins
Imagem by Google


Nenhum comentário: