quarta-feira, 12 de junho de 2013

Pessoa, para os íntimos...




Bom é que não esqueçais 
Que o que dá ao amor rara qualidade 
É a sua timidez envergonhada 
Entregai-vos ao travo doce das delicias 
Que filhas são dos seus tormentos 
Porém, não busqueis poder no amor 
Que só quem da sua lei se sente escravo 
Pode considerar-se realmente livre


Poema by Fernando Pessoa
Foto by Mari Martins




Nenhum comentário: