segunda-feira, 20 de maio de 2013

Apresentadas novas condutas na prevenção dos transtornos mentais





A divulgação e a consolidação de um novo paradigma na prevenção dos transtornos mentais, emocionais e comportamentais foram propostas por cientistas nacionais e internacionais reunidos no evento Y-Mind - Uma Ciência de Vanguarda na Prevenção dos Transtornos Mentais, Emocionais e Comportamentais entre os dias 25 e 29 de março, nas Escola de Ciência Avançada Y-Mind, em São Paulo.
Entre as novidades foram expostas a compreensão do suicídio como decorrência da interação genética, ambiente e epigenética; a incorporação da saúde mental nos currículos escolares do Canadá; os serviços planejados para o adolescente na Austrália; e os estudos avançados de genética e epigenética na compreensão da etiologia dos transtornos mentais.
Durante o encontro foi estabelecido que para discutir prevenção ou remissão dos sintomas é preciso compreender os mecanismos cerebrais envolvidos no surgimento deles. Para os pesquisadores, é preciso rever a maneira como as doenças psiquiátricas são classificadas, abandonando o modelo compartimentado no qual cada indivíduo recebe uma única classificação.
De acordo com o professor titular do Departamento de Psiquiatria e coordenador da Pós-Graduação da Unifesp, Jair de Jesus Mari, são necessários novos paradigmas e um sistema de classificação das doenças mentais, proposto pelo National Institute of Mental Health (NIMH), e batizado de Research Diagnostic Criteria (RDOC). "Além de permitir uma inovação radical na prevenção dos transtornos mentais, o evento teve a pretensão de influenciar as políticas de saúde mental do país", afirmou.


by Mari Martins
Imagem by Google
Fonte: Jornal do Cremesp - Abril/2013



Nenhum comentário: