quinta-feira, 7 de abril de 2011

Perplexidade!



O Brasil, mulato, bonito, izoneiro, das araras azuis, do pantanal, da chapada, do cerrado, das palmeiras onde canta o Sabiá...
O Brasil, país do futebol, do samba, da miscigenação, da oração, terra de nosso senhor...
Brasil, Brasil...
O Brasil da paz, da paciência, da malemolência, da capoeira, da música, da Bossa Nova, dos tons, os mil tons, seus sons e seus dons geniais...

O Brasil, o país do futuro, hoje com mais influência, país seguro para investimento, inclusive de capital estrangeiro, de devedor irremediável do FMI à CREDOR. O Brasil da Petrobrás, da bacia de campos, do pré-sal, o Brasil da Vale, do presidente encanador mais influente do mundo, o Brasil da soja, do milho, da laranja e coisa e tal.
O Brasil do samba, da cerveja, do sol e do carnaval...
O Brasil de Dilma, nossa primeira presidente mulher...

Estaria o Brasil ficando rico e copiando tragédias do primeiro mundo? 

Em memoria das vítimas do colégio no Realengo/RJ - crianças de 9 a 14 anos que acreditavam que a ESCOLA seria um LUGAR SEGURO. Sempre foi, até hoje, quando um atirador, um psicopata provou o contrário. Teríamos nós que rever alguns conceitos?

Texto e Foto by Mari Martins
Citações: Aquarela do Brasil, Podres Poderes e Canção do Exílio.

Nenhum comentário: