quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Novo método facilita diagnóstico de apneia obstrutiva do sono





Pesquisadores do Laboratório do Sono da Faculdade de Medicina da USP criaram um novo método que facilita o diagnóstico da apneia obstrutiva do sono. Trata-se de um gravador de áudio que capta os sons do paciente enquanto ele dorme. Em seguida, eles são processados e medidos em decibéis por um computador e transformados em gráfico por um sistema denominado Índice de Intervalos Temporais de Ronco. Intervalos entre os roncos, maiores que 10 segundos e menores que 100, configuram-se paradas total da respiração e apneia. A técnica é bem mais simples do que o custoso exame de polissonografia feito atualmente, em que o paciente precisa dormir em um hospital enquanto é monitorado por vários equipamentos.


Imagem by Google
Fonte: Revista Ser Médico nº 61




Nenhum comentário: