sexta-feira, 29 de abril de 2016

Dispositivo eletrônico detecta moléculas ligadas a câncer, Alzheimer e Parkinson





Um biosensor desenvolvido por pesquisadores do Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano), em Campinas, mostrou-se capaz de detectar moléculas relacionadas a doenças neurodegenerativas e alguns tipos de câncer.
Trata-se de um dispositivo eletrônico manufaturado sobre uma plataforma de vidro. Nele, um transistor é formado por uma camada orgânica em escala nanométrica, contendo o peptídeo glutationa reduzida (GSH), que reage de maneira específica quando em contato com a enzima glutationa S-transferase (GST), relacionada a doenças como Parkinson, Alzheimer e câncer de mama, entre outras. A reação GSH-GST é detectada pelo transistor e pode ser utilizada no diagnóstico.
Confira toda a matéria no link: 
http://agencia.fapesp.br/dispositivo_eletronico_detecta_moleculas_ligadas_a_cancer_alzheimer_e_parkinson/23098/



Nenhum comentário: