terça-feira, 16 de julho de 2013

Cosméticos na gravidez





COSMÉTICOS NA GRAVIDEZ


Geralmente, os hidratantes com ou sem filtros solares, podem e devem ser usados durante a gestação, assim como os óleos para banho, de origem vegetal. Os hidratantes recomendados não podem conter alfahidroxiácidos, como ácido glicólico e amônia, por exemplo. A concentração de uréia, presente nos hidratantes, não pode ultrapassar 3%. Cremes com hidroquinona, cafeína e ácido salicílico não devem ser usados. O ácido glicólico, em concentrações até 10%, pode ser utilizado. Maquiagens, esmaltes e removedores de esmaltes também não têm contraindicações. Os cosméticos à base de ácido retinóico estão contraindicados. Os cremes anti-idade, anticelulite, antiestrias também não são recomendados. Cremes com ativos esfoliantes ou hidroquinona ainda não são seguros. Tinturas, alisamentos e escovas progressivas são proibidos. Tonalizantes são permitidos a partir da 20ª semana. Botox e depilações à laser são contraindicados. Para depilação, não podem ser usados os cremes depilatórios. A cera pode ser usada para depilação. No controle das manchas na pele (melasmas) pode ser usado o ácido kógico. A gestante deve preferir os cosméticos específicos para grávidas e deve estar atenta aos rótulos dos produtos. O melhor a fazer é sempre perguntar, ao dermatologista e/ou ao obstetra, sobre o uso dos cosméticos. Os específicos para gestantes e os manipulados com receita médica são mais seguros.


Coluna Saúde da Mulher - assinada pela Dra. Elaine K. Vasconcelos - Ginecologista, Obstetra e Mastologista - CRM: 101324.
Imagem by Mari Martins




Nenhum comentário: