terça-feira, 5 de maio de 2015

Epidemias na rede

Resultado de imagem para redes sociales




Uma epidemia poderia ser prevista pela web antes que as autoridades sanitárias a detectassem. É o que um artigo publicado no PLoS Computational Biology afirma, considerando os acessos às páginas da Wikipédia. Isso aconteceria porque, cada vez mais, as pessoas buscam informações sobre doenças e sintomas na internet antes de procurar auxílio médico. Associados ao Laboratório Nacional Los Alamos, do governo dos EUA, os autores conseguiram prever e acompanhar epidemias em oito de 14 situações analisadas, trabalhando com modelos matemáticos sobre os registros de acesso às páginas.

Fonte: Revista Ser Médico nº70


Nenhum comentário: