quinta-feira, 28 de maio de 2015

Adolescentes fazem sexting



Adolescentes trocam mensagens, fotos ou vídeos eróticos pelo celular – o chamado sexting –, mas os pais podem ficar tranquilos, garante uma pesquisa da Universidade do Texas Medical Branch, segundo a qual a atividade não está associada a comportamentos de risco no futuro.

Publicado na revista Pediatrics, o estudo lembra que o comportamento não é novo. “A novidade está na facilidade com que as novas tecnologias permitem a interação e o compartilhamento dos sextings”, afirmam os pesquisadores, alertando os pais, porém, sobre a necessidade de orientar seus filhos sobre prevenção, inclusive relacionada à privacidade na rede.

Nenhum comentário: